sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Primeiro Grande Prêmio de Automobilismo no Rio...

...aconteceu em 1933, e foi vencido por Manoel de Teffé, no dia 8 de outubro, pilotando um Alfa Romeo, no Circuito da Gávea.

Manoel De Teffé ao volante de seu Alfa Romeo campeão

A idéia de se trazer para o Brasil o circuito de corridas de automóvel, para que o evento tivesse repercussão internacional foi do próprio Manoel de Teffé, que corria na Europa.
Ela foi levada ao então presidente Getúlio Vargas, que prometeu todo o apoio e aconteceu a temporada oficial de 1933.
O Automóvel Club do Brasil organizou, então, a prova que fez parte do calendário oficial da Federação Internacional do Automóvel : o Grande Prêmio Cidade do Rio de Janeiro.
O local escolhido foi o Circuito da Gávea, um traçado de rua com mais de 11 quilômetros que contornava o Morro Dois Irmãos. A largada era na Rua Marquês de São Vicente, quase em frente a então sede antiga do Automóvel Club do Brasil , seguia pelas Avenidas Bartolomeu Mitre, Visconde de Albuquerque, Niemeyer e Estrada da Gávea, onde hoje é o bairro da Rocinha.
Tinha mais de 100 curvas e um traçado desafiador de diferentes tipos de piso: asfalto, cimento, paralelepípedo e areia .
Ainda, no local de largada, os carros tinham de cruzar os trilhos de bonde, muito escorregadios.
Tudo isso junto rendeu ao Circuito da Gávea, o apelido de “Trampolim do Diabo” .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Seja bem-vindo!