sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Verão no RIO...2

Continuando o assunto verão carioca...


Os ousados modelos de biquini de pano, dos anos 1960, trouxeram o modelo meia-taça.  
Eram feitos na máquina de costura, não tinham nas lojas. Com  fru-frus, xadrezinho, estampas, listras,...

Nos cabelos, a faixa, a franja e o cabelo geralmente comprido, liso pela touca (!), ou eriçados e altos pra trás.

 Praia de Ipanema, anos 1960

Nos anos 1970 com os novos biquinis chegaram também as cangas começando a substituir as toalhas, as esteiras nas areias, os novos biquinis e os... collants. Da Petit Ballet.  Quem teve? Tinham detalhes de contas, lacinhos nas alças.

Praia de Ipanema, anos 1970 
Fotos, O Globo - reprodução

Cadeira de praia? Sentar na praia? Que nada! O must era deitar.  Cavava-se a areia para fazer uma cama fundinha , depois um morrinho alto como travesseiro. Cobrir com uma toalha e...pronto.
Ruim, mesmo, era na hora de ficar deitada de costas. Ufa! Tinha de ir ajeitando a areia...

Praia de Ipanema, anos 1970, nos tempos do Pier, Posto 9


Resultado de imagem para barraquinhas GB Lanches
Fotos, Revista Manchete - reprodução


Um sucesso musical dos anos 60,
tinha a praia como protagonista.

A música A Praia- versão de Bruno Silva para "La Playa", de Jovan Wetter e Pierre Elie Barouth com o cantor Agnaldo Rayol, a voz da época , foi o super sucesso de 1965.

Para se ter idéia do êxito que a canção fez, a marca de creme dental Kolynos a utilizou numa promoção: AGNALDO RAYOL CANTA A PRAIA SÓ PRA VOCÊ!

Quem comprava cinco unidades do produto ganhava um COMPACTO  ( de papelão) com a fotografia impressa do cantor. 
Foram vendidas milhares de unidades, e até hoje muitas pessoas ainda guardam o compacto de brinde.
 

Ouça !






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Seja bem-vindo!