terça-feira, 13 de novembro de 2012

Eucalipto Arco- Íris no Rio de Janeiro

Roberto Burle Marx, no início da década de 80 plantou, em uma tarde, 3 mudas de Eucalyptus Deglupta, no seu sítio em Guaratiba.

A bela árvore,única espécie de eucalipto originária do hemisfério norte, de Mindanao que é a 2ª maior ilha do arquipélago das Filipinas, se espalhou para New Britain, Papua Nova Guiné, Sri Lanca e Congo. Daí foi levada para o mundo e é amplamente utilizada ,coitadinha, na produção de papel.



Seu tronco, que pode atingir um diâmetro de 240 cm, tem um belo aspecto multicolorido, responsável pelo belo nome popular: eucalipto arco-íris. Todo ano, troca suas cascas e deixa aparecer seu interior colorido,  mostrando uma casca verde brilhante interior que depois amadurece e se transforma em tons de azul, roxo, vermelho, laranja, amarelo e marron.

Como esta árvore é o maior dos eucaliptos e que em seu habitat natural chega a 100 m de altura, em futuro não muito distante, serão as maiores árvores do Rio de Janeiro, visto que com pouco mais de 30 anos já estão em torno dos 40m.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Seja bem-vindo!