domingo, 6 de março de 2016

O Rio em 1936, há 80 anos



Documentário, remasterizado, sobre o Rio de Janeiro
"City of Splendour"  de James A. Fitzpatrick's , 

da série "Traveltalk", realizado em 1936






Um comentário:

  1. Aristóteles Alves Correa8 de março de 2016 09:43

    Foi em 1936 que nos mudamos para a Cidade Maravilhosa. Sobre o filme,muitas coisas me vieram a lembrança: o Touring Club, na Praça Mauá, que usava o slogan "Conheça antes o Brasil" ( foi o que fiz, antes de viajar para o exterior). O prédio do Senado Federal, com as escadarias de mármore, onde entrei para falar com o Senador Filinto Müller. Cinelândia, com o teatro Glória e os cinemas Pathè, Império e Capitólio ( usava o slogan " O espetáculo começa quando você chega." Observe as mulheres com chapeu e muitos homens de terno e também chapeu. Em uma das imagens, tendo o Pão de Açúcar ao fundo com a calçada e a mureta baixa. Trecho da Av.Ruy Barbosa, no Morro da Viúva. Morei nessa avenida, no número 300. Depois, o Pavilhão Mourisco. Perto dele, o Clube de Regatas Guanabara, com a piscina de 50 metros. Quando criança, frequentei a piscina e cheguei a saltar da plataforma, que deveria ter uns 10 ou 12 metros. Lógico que pulei em pé. Também do mesmo lado, a piscina de 25 metros do Botafogo. Fui sócio-atleta nadador e participei da travessia da Urca ao Flamengo ( distância de 3.000 metros). que tinha o patrocínio do jornal A Noite.. Cheguei em 111 lugar. Por pouco não desisti quase na chegada por causa de cãimbra nas duas pernas. Várias pessoas que estavam em baleeiras, nas proximidades, me incentivaram até a chegada. O meu consolo foi que uns 30 ou 40 chegaram depois .

    ResponderExcluir

Comente! Seja bem-vindo!