quarta-feira, 20 de março de 2013

Nossa homenagem ao carioca Emilio Santiago



Conheci quando participou de um programa,  A Grande Chance, de Flávio Cavalcanti, na extinta TV Tupi.
Depois trabalhou como crooner da orquestra de Ed Lincoln, além de muitas apresentações em boates, como o 706 no Leblon, onde por muito tempo dividiu o palco com a maravilhosa Áurea Martins.

Em 1973 lançou o primeiro compacto com as canções Transa de amor e Saravá Nega.

Sua voz sempre deu o tom perfeito, diferente, para qualquer música, mesmo quando regravada. Sua interpretação ímpar o tornou o maior cantor da MPB dos nossos dias,  e nos deixa órfãos  nessa terra que é repleta de cantoras, mas pobre de cantores.

Ao carioca EMÍLIO SANTIAGO nossa homenagem!


a primeira gravação



o grande sucesso



e

O show " O melhor das Aquarelas"   completo para matar saudades!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Seja bem-vindo!